12/01/09 – Para aqueles que pensam que não existe vida noturna na Índia… – For those who think that there is no nightlife in India …..

Muita gente comentou comigo antes de eu vir pra India: “Putz, a Mari vai voltar totalmente diferente depois da Índia, só comendo comida vegetariana, fazendo Ioga, budista e com a cabeça raspada, sem tomar nenhuma cervejinha em 5 meses, sem baladas,toda esotérica”. E por aí vai….ouvi de tudo antes da minha partida e quer saber de uma coisa? Acho que vocês estão enganadíssimos…não é que eu não vou voltar diferente e tal, lógico que vou…nesses poucos dias já deu pra perceber que a Índia muda você de alguma forma, não tem jeito. Mas tocando no assunto de vida noturna não acho que vai ser tão ruim assim. Quem veio de um ano de Chile (repleto de regeatton e homens baixinhos com mullets querendo dançar ao estilo de baile funk carioca), acho que as baladinhas aqui não são assim de todo o mal.

Bom, na quinta que eu cheguei saí com alguns estrangeiros que trabalham na EVS para um bar em Delhi. Parece que toda a quinta-feira rola uma noite para Expatriados na Índia num bar que chama Urban Pine. Depois de umas 2 horas de transito de trajeto Gurgaon – Delhi (detalhe: são 40kms de distancia, o que não quer dizer nada diante do transito caótico na Índia…e eu que achava que o trânsito de São Paulo era ruim….)…enfim o tema trânsito é tão caótico e interessante que merece um post próprio, e não vai ser hoje que vou falar sobre isso porque afinal de contas o tema agora é balada.

Então, chegamos lá umas 10pm (contratamos um taxi por 8 horas por 16 dólares, vocês estão entendendo isso? 16 dólares por 8 horas de taxi!!! Impressionante). O lugar é super legal , com três andares e diferentes ambientes e música boa, uma coisa meio lounge e mais tarde da noite música eletrônica com uma pegada mais indiana de background. E a galera que freqüenta é bem interessante, ou seja, tem centenas de gringos (alguns de alta qualidade) do mundo inteiro que foram expatriados pra Índia. Já conheci uma galera legal da EVS Índia nesse dia. Nesse dia a balada foi mais um esquema bolha sabe? Monte de estrangeiros (raramente você via um indiano na balada), pagando relativamente caro para os padrões Índia pra entrar na balada (16 dólares open bar)…batendo papo sobre a Índia muito mais de um ponto de vista ocidentalizado…é um lado legal  que quero explorar mas também quero conhecer a Índia e também a vida noturna indiana de um ponto de vista de dentro pra fora, ou seja, saindo com uma turma de indianos…e é isso o que aconteceu na sexta-feira.

Saí com o pessoal do meu time aqui da empresa para um bar chamado Mojo,que fica dentro de um dos milhares Shopping Centers aqui de Gurgaon, aliás praticamente 99% dos bares, restaurantes e discotecas ficam dentro dos shoppings, loucura né? Enfim, só sei que foi super legal. Só tinha eu, a inglesa e o cara da Jordânia de estrangeiros, o resto da galera era toda de indianos. Checa a turminha nas fotos abaixo: 

Na pista de dança ao som de músicas de bollywood - On the dance floor listening to bollywood songs

Na pista de dança ao som de músicas de bollywood - On the dance floor listening to bollywood songs

 

 Meu time da EVS India - My team from EVS India

Se tem uma coisa que os indianos gostam de fazer é dançar. Eles são muito empolgados pra dançar e não deixam ninguém ficar parado. E o mais legal é que eles não precisam de uma gota de álcool pra isso. Tem alguns homens que até bebem sim mas é muito raro você ver uma mulher indiana bebendo. Ainda bem que eu não sou indiana!! Hahaha… Só sei que foi uma noite muito legal e engraçada…já comecei a aprender a dançar ao estilo bollywood, em que as mulheres levantam os ombros pra cima muito rapidinho e ficam mexendo as mãos de um lado para o outro. Na verdade é difícil explicar como é que elas dançam mas é super bonitinho. E você ainda tem que fazer caras e bocas quando vai dançar isso…tem que fazer cara de comportadinha, de tímida, mas tem que mover o ombro e rebolar bastante…contraditório não??? Quando eu tiver um tempo faço um vídeo exclusivo para vocês verem….vou até procurar umas aulinhas pra me profissionalizar. Daí quando voltar para o Brasil posso ganhar uns trocados ensinando a mulherada a dançar bollywood dance…

No sábado teve balada de novo (3 na mesma noite). Fomos com um pessoal do escritório da EVS Chile que tá por aqui e mais um indiano com pinta de playboy….hahah…O cara era extremamente esnobe e babaca sabe? Ele ficava falando assim: “Meu pai é envolvido em política e somos uma das famílias mais influentes em Gurgaon…temos mais de 7 carros na minha casa e fica difícil ter espaço na garagem, e comigo vocês também são VIP”….e no final foi verdade, não pagamos nada pra entrar nem pra beber…foi engraçado ver que playboys babacas existem em qualquer parte do mundo. Gente que acha que pelo fato de ter grana, não precisa cumprir nenhuma regra, tipo o cara se acha acima da LEI e o que me deixou impressionada era o jeito que ele tratava os outros indianos (garçom, motorista…) de uma maneira muito arrogante, como se eles não valessem nada sabe? Péssimo mesmo.

Uma das três baladas que fomos naquele sábado - One of the three clubs we went on that Saturday

Uma das três baladas que fomos naquele sábado - One of the three clubs we went on that Saturday

 

 (english version – Google translator)

Many people said to me before I came to India: “Well, Mari will be totally different when she leaves India, eating only vegetarian food, doing yoga, Buddhist and scraped his head, without taking any beer in 5 months without nightlife, all esoteric. ” And so on …. I heard everything before my departure and do you want to know something? I think you are wrong … is not that I am not going to change  … I already realized that India will change me in some way, there is no doubt. Moving back to the subject of nightlife I dont think it will be that bad. Who has a year of Chile (regeatton full of men with mullets wanting to dance ballroom-style funk carioca), I think the clubs here are not of all bad.
Well, I went out Thursday with some foreigners working in the EVS to a bar in Delhi. It seems that every Thursday night there is an Expatriates night in this bar called Urban Pine. After about 2 hours of traffic jam on the route Gurgaon – Delhi (detail: only 40kms distance … and I thought that the traffic of São Paulo was bad … …. the traffic issue is so chaotic and interesting that deserves its own post, and will not be today that I will talk about it because after all, the issue now is nightlife.
We arrived at 10pm (we hire a taxi for 8 hours for USD 16, do you get it? $ 16 for 8 hours of taxi! Impressive). The place is super cool, with three floors and different environments and good music, a lounge music in indian style. And everybody who attends is very interesting, there are hundreds of gringos (some of them are  high quality) of the world for expatriates who have been India. That day the club was more like a bubble, do you know what i mean? Lot of foreigners (you rarely see an indian there) , paying a relatively expensive price to the indian standards ($ 16 open bar) … chatting on India much more from a Westernized point of view … from one hand I like that but also I want to know India and the night life of an Indian point of view from the inside out, going out with indian… and that is exactly what happened on Friday .

I went out with my team in the company here to a bar called Mojo, which is within one of the thousands of Gurgaon shopping malls here, in fact almost 99% of bars, restaurants and nightclubs are inside the shopping malls, crazy huh? Anyway, I just know it was super nice. Helen (british), Saeb (jordanian) and me were the only foreigners, the rest of the group was all indians. 

 

On Saturday i went clubbing again(3 clubs in one night). We went with a some people from EVS Chile here and an Indian playboy …. hahah … The guy was very snobbish? He was talking like this: “My father is involved in politics and we are one of the most influential families in Gurgaon … we have more than 7 cars in my home and it is difficult to have space in the garage, If you are with me you are also VIP” … . and in the end it was really true… it was funny to see that playboys assholes exist anywhere in the world. People think that because they have money, dont need not comply with any rules, like the guy thinks he is above the law and what impressed me was the way he treated the other Indian (waiter, driver …) in a very arrogant way, as if they were his servants. Ridiculous.


I think that’s it for today, already tired of writing.

If there is something Indians like to do is to dance. They are very excited for dance and not let anyone be stopped. And the coolest is that they do not need a drop of alcohol for this. There are some men who drank up yes but is very rare you see an Indian woman drinking. Glad I’m not Indian! Hahaha … I only know it was a very nice evening and funny … I started to learn bollywood dance, in which women raise the shoulders up very quickly and are moving their hands from one side to another. Indeed it is difficult to explain how they dance but it is super cute.  When I have time I will prepare an exclusive video for you guys….

Acho que por hoje é só, já cansei de escrever.

Um comentário sobre “12/01/09 – Para aqueles que pensam que não existe vida noturna na Índia… – For those who think that there is no nightlife in India …..

  1. Mary, é muito bom acompanhar as suas aventuras na Índia!!!
    Agora que eu descobri que vou poder dançar bollywood na India me aguardeeeee…eu tô chegando! bjossssss enormes

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s